Tradutor

terça-feira, 5 de abril de 2011

QUEM É O SENHOR PARA QUE EU O OBEDEÇA? (Parte 04)

(Parte 04) Ex 5.2 / 1 Co 2.9,10
O Deus que se relaciona connosco através do Espírito Santo: (3ª Pessoa do Deus triúno)
• Ele é uma pessoa com personalidade própria Intelecto, volição (vontade) e sentimento (Rm 8.27; 1 Co 2.10,11, 16) em Tg 4.5 vemos que ele pode se entristecer e também tem ciúmes (zelo) de nós.
Actividades que atestam a personalidade do Espírito Santo:
• Revela (2 Pe 1.21); Ensina (Jo 14.26); Intercede (Rm 8.26); Ordena (At 13.2) – Envio de missionários; Testifica de Cristo (Jo 15.26, 1 Jo 5.6,7); Fala à Igreja (Ap 2.7,11,17,29; 3.6,13,22) – Através dos ministros da Palavra e de várias outras maneiras; Convida à salvação (Ap 22.17). (Revista Discipulado_Lição 09 - CPAD)

• Gn 1.2 – O Espírito Santo pairava (hb. Rachaph – Modo particípio, que representa acção ou condição em sua continuidade ininterrupta, e corresponde aos verbos “ser” ou “estar”, seguidos do verbo principal no gerúndio) sobre a face das águas em uma terra que ESTAVA sem forma e vazia.

1. O ESPÍRITO QUE SE MANIFESTOU NO ANTIGO TESTAMENTO (Manifestação esporádica e específica)
• Ex 31.2,3 – Habilitou Bezalel (filho de Uri de Judá) para ser um artista em todo tipo de material para artes.
• Nm 11.25 – O Espírito do Senhor que habitava em Moisés foi repartido entre os 70 obreiros que estavam na tenda e sobre Eldade e Medade que não vieram à reunião com Deus (O Espírito não está limitado ao espaço geográfico)
• Dt 34.9 – A manifestação do Espírito da sabedoria encheu Josué para capacitá-lo para a liderança.
• 1 Sm 16.13 – A unção “atraiu” o Espírito do Senhor para a vida de David.
• Sl 51.11 – David expressa o seu temor em perder a “presença do Espírito Santo”.
• Is 11.2 – Revela a sêxtupla manifestação do Espírito Santo
a) Espírito do Senhor (Igual e co-Eterno com o Pai e o Filho) – Esta manifestação inspira o estado de profecia extático, e impele o profeta instruir ou admoestar, concede energia para a guerra e poder executivo e administrativo.
b) Espírito de sabedoria (hb. Chokmah) – Sabedoria ética e religiosa, habilidade para a guerra, sabedoria em administração, perspicácia, prudência em assuntos religiosos.
c) Espírito de Entendimento (hb. Biynah) – Compreensão e discernimento.
d) Espírito de Conselho (hb. `etsah) – Desígnio, propósito.
e) Espírito de Fortaleza (hb. Gabuwrah) – Actos poderosos de Deus, força, valentia, poder.
f) Espírito de Conhecimento (hb. Da`ath) – Somatória de Sabedoria, percepção, habilidade, compreensão, discernimento.
g) Espírito de temor do Senhor (hb. Yir`ah) – medo, terror, porém com respeito a Deus, trata de reverência, respeito.
»» (Is 11.3) Esta manifestação garante que Jesus não julgaria segundo a vista dos olhos e nem repreenderia alguém segundo o que ouvia falar. Ele repreende segundo a sua Justiça e esquadrinha todas as coisas.
• Sl 51.11 – O maior temor de David era perder o Espírito Santo.

2. O ESPÍRITO QUE TRABALHA TAMBÉM DURANTE O SILÊNCIO PROFÉTICO.
»» Enquanto perdurava os 400 anos de guerras, revoltas (inclusive dos hasmoneanos, ou macabeus), o domínio do império romano, o Espírito Santo preparava a terra para o maior acontecimento da história humana. O nascimento, morte e ressurreição de Jesus. (Lc 2.25-27) – Simeão era movido, aguarda e viu o poder do Espírito Santo quando apresentou a Jesus.
• O Espírito Santo preparou o povo judaico para a vinda de Jesus. (Havia um desejo por um Messias)
• Ênfase ao ensino profético (criação das sinagogas)
• A dispersão dos judeus em todo o mundo conhecido.
• Um interesse pelo livro (Torá) e pela salvação.

3. O ESPÍRITO NO NOVO TESTAMENTO
• Lc 1.34,35 – Proporcionou a Maria gerar o Cristo, sem relacionamento conjugal.
• Lc 2.21,22 – No baptismo de Jesus, o Espírito Santo se manifestou de forma corpórea
• Mt 4.1 – O Espírito Santo não desvinculou de Cristo quando foi tentado no deserto por Satanás.
• Lc 11.20 – Como o “executivo” da divindade (Dedo de Deus), para expulsar demónios.
• Jo 16.7 – Ele fora prometido por Jesus, para que pudéssemos desfrutar de sua plenitude (não esporádico), profetizada em Joel 2.28,29 “DERRAMADO” (At 2.16-18).
• Jo 16.8 – Ele é aquele que convence o mundo do pecado, da justiça e do juízo. Pois os homens acham que tudo permanece inalterado desde quando foi criado (2 Pe 3.4,7)
• Jo 16.13 – Ele é a origem, essência, guia e plenitude de toda a verdade.
• Ef 1.13,14 – O Espírito em nós é a garantia da ressurreição.

Segue parte 05

O plano de Deus vai até o final. Deus te abençoe e guarde.

Sem comentários :

Assembleia de Deus "Ministério Missão aos Povos"

Assembleia de Deus "Ministério Missão aos Povos"

Pr. Cézar Carrijo e Missª Gláucia Carrijo

Pr. Cézar Carrijo e Missª Gláucia Carrijo

Mensagens populares

Me esforço para parecer com Jesus