Tradutor

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Muros quebrados e portas queimadas (parte 01) Pr. Cézar Carrijo

Muros quebrados e portas queimadas (parte 01) Pr. Cézar Carrijo, Portugal 25/08/2010


Tema: MUROS QUEBRADOS E PORTAS QUEIMADAS
(Parte 01) 2 Co 12.9 / Ne 2.4
Muros: hb. Chowmah (particípio activo de uma raiz não utilizada aparentemente significando “ juntar”) – Segurança, protecção
Portas: Oportunidades, acesso

Situação de Jerusalém
· A dor da saudade pela ausência dos exilados (Desânimo generalizado).
· Miséria (crise financeira)
· Desprezo (crise moral e emocional)
· Muros quebrados (segurança e protecção a mercê do ocaso ou à deriva.
· Portas queimadas (Oportunidades perdidas, ou bloqueadas)
NEEMIAS (hb. Jeová consola) não aceitou as más notícias ou as circunstâncias, como uma sentença (Ne 1.4)
a) Assentou-se (É preciso parar para ouvir a voz de Deus)
b) Chorou (Se identificou com o sofrimento do próximo) (Jo 11.35) (Hb 13.3 - “Lembrai dos encarcerados, como se presos com eles…”) – Mt 5.4 – “Bem aventurado os que choram”
c) Jejuou e orou (Aciona o “sistema de resposta” do céu) – Ne 1.4
d) Confissão (Girou a chave da confiança na fidelidade de Deus)Hb 10.23.
A RESPOSTA DE DEUS À NEEMIAS: O rei pergunta: O que me pedes agora?
Neemias sabia o que precisava (não simplesmente o que desejava) (Jo 5.6) – Um dos maiores desafios em edificar muros.
· Cartas de acesso autorizado (portas abertas) – Sl 18.29
· Autorização para extrair madeiras (para construção dos muros e das portas)
Neemias não pediu muros prontos, ou portas torneadas. Pediu a oportunidade de trabalhar a sua esperança (Se a presente tribulação produz glória (Rm 8.18), pedir para sair da tribulação, significa abandonar a recompensa no pódio. Os “quases” da vida.

Os muros que precisamos edificar: “Que pedes agora?
1. PERDÃO (Mt 18.21)
2. COMUNHÃO (1 JO 1.3)
INTERVALO: Quando os muros já estão fechados até a metade os inimigos se levantam, porque sabem que na “força de Deus”, um povo que tem ânimo é “invencível”.
OS INIMIGOS:
1). Sambalate (Zomba de nosso esforços) – Hb 11.34 (Enquanto este inimigo ostenta que a “deusa lua” dá vida, para nós que tememos a Deus nasce o SOL DA JUSTIÇA (Ml 4.2)
2). Tobias o amonita (Ecumenismo) – Descendente de um incesto entre Ló e sua filha mais nova (Gn 19.30-38)
» Imitação do sagrado
» Mistura entre o sagrado e o profano
»»»»» Neemias resiste a este inimigos (Ne 4.9), com oração por proteção (Sl 127.1) e Vigilância (1 Pe 5.8)
3). Escombros (Ne 4.10) – Ressentimentos, Dificuldades em abandonar o passado no lugar devido: passado. Traumas. (“Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim e dos teus pecados não me lembro”… ) – (Is 43.25)
4). Desanimadores (Os “velhos de casa”) – Potencializam as ameaças do inferno e minimizam o poder de Deus (Ne 4.12; Sl 62.11)

3. CONFISSÃO (quem tem muros edificados confessa, quem não tem acusa outros) (Tg 5.16) – confissão cura.
4. SANTIFICAÇÃO (Hb 12.14) – A ausência deste muro não permite vermos Deus dentro de nós.
5. ADORAÇÃO (Jo 4.23)
6. MEDITAÇÃO NA PALAVRA (Sl 119.11)
»» A confiança na Palavra nos dá poder de argumentação para com os que me insultam (Sl 119.42)
»» Em 52 dias os muros foram edificados (Ne 6.15) – o impossível acontecel (Lc 1.37)

Assembleia de Deus "Ministério Missão aos Povos"

Assembleia de Deus "Ministério Missão aos Povos"

Pr. Cézar Carrijo e Missª Gláucia Carrijo

Pr. Cézar Carrijo e Missª Gláucia Carrijo

Mensagens populares

Me esforço para parecer com Jesus